Jornal Antena - Encantado RS

Tuesday, Jan 16th

Last update02:41:02 AM GMT

Você está na seção:

Câmeras de videomonitoramento já estão em funcionamento

E-mail

 

Em reunião realizada na sede da Associação Comercial e Industrial de Encantado (Aci-E), na noite da terça-feira, dia 12 de dezembro, lideranças comunitárias discutiram o projeto, batizado de Encantado Alerta. O diretor comercial da Connectline, Clóvis Margreiter, empresa responsável pela instalação do projeto, esteve na reunião, atualizando os presentes sobre o andamento do projeto. Segundo ele, nos próximos dias, os 31 pontos estarão totalmente prontos.
O projeto já deveria estar instalado. A demora, segundo a empresa, se deu à assinatura do convênio com a Secretaria Estadual de Segurança Pública e a liberação da ligação das câmeras pela RGE. Até a reunião, dez pontos tinham sido liberados, já que a concessionária está fazendo a troca dos postes de madeira por postes de concreto. As equipes da Brigada Militar e da Polícia Civil já receberam o treinamento de operação do sistema.
O presidente da Aci-E, Marcos Tonin, destaca que este é um momento importante. “Estamos felizes por chegar onde chegamos. Todo o sistema está em funcionamento. Espero que a comunidade valorize este trabalho e reconheça que ele também poderá ser uma garantia para os seus filhos”.
O capitão da Brigada Militar de Encantado, Marcos André Cíceri, explicou que os pontos onde foram instaladas as câmeras foram escolhidos seguindo alguns critérios. “Foram observadas as principais vias de acesso à cidade, pontos de movimentação de pessoas e veículos, locais de maior incidência de delitos e acessos aos bairros”.
Na mesma noite, o vereador de Encantado, Diego Pretto (PP), aproveitou para fazer a sua contribuição. Ele doou um salário de edil, no valor de R$ 5 mil. Pretto destacou que a intenção inicial era utilizar este valor para alguma ação que multiplicasse o dinheiro. O projeto de videomonitoramento conta com a contribuição de R$ 100 do Clube Recreativo de Encantado, R$ 50 mil da Aci-E, R$ 40 mil do judiciário, R$ 127 mil de um Termo de Ajustamento de Conduta firmado entre empresas multadas na Operação dos mercados; e R$ 30 mil do Sicredi. Ainda são esperados R$ 200 mil economizados pelo Legislativo, que deverá ser encaminhado pelo Executivo.
Na última quarta-feira, o prefeito Adroaldo Conzatti e o vice Enoir Cardoso assinaram a adesão ao Sistema de Segurança Integrada com os Municípios (SIM). A assinatura deixa o município ainda mais próximo da conclusão da primeira parte do projeto, mas ainda existe um caminho burocrático até a liberação dos recursos.
Na segunda-feira, dia 18, o Executivo encaminhou projeto de lei à Câmara de Vereadores, repassando o valor de R$ 200 mil para o videomonitoramento. O projeto entrou na Casa e foi aprovado em medida de urgência.

cameras de_videomonitoramento

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar